Publicidade

terça-feira, 23 de setembro de 2014 Sem categoria | 12:18

João Paulo de Jesus Lopes permanece no São Paulo e mantém sintonia com Aidar e Juvenal

Compartilhe: Twitter

João Paulo de Jesus Lopes, ex-homem forte do futebol do São Paulo na gestão de Juvenal Juvêncio, vai permanecer na diretoria de Carlos Miguel Aidar.
Ouvido pelo blog, João Paulo fez um rápido depoimento sobre seu sentimento em relação ao conflito entre Aidar e Juvenal.
“Tenho muita admiração pelo Juvenal e o considero um dos maiores presidentes da história do clube ao lado de Laudo Natel. Deixaram legados e conquistas. Juvenal ampliou e qualificou o patrimônio tricolor e criou o CT de Cotia. Sempre estive ao seu lado desde o primeiro minuto da gestão anterior. Também sou muito amigo do Carlos Miguel e reconheço nele um grande dirigente com títulos, a construção do CT da Barra Funda e a fundação do Clube dos 13. Fui honrado com o convite para ser Vice-Presidente de Administração para reformular a área no São Paulo”, afirmou.
João Paulo ficou triste com a discussão pública entre os dirigentes. “Me entristece e até entendo a razão de ambos, mas acho que não foi bom para o clube. Vamos trabalhar para evitar desentendimentos que atrapalhem e temos a missão importante para dar novos rumos e colocar o São Paulo na vanguarda administrativa dos clubes paulistas”, concluiu.

Autor: Tags:

  1. Primeira
  2. 8
  3. 9
  4. 10
  5. 11
  6. 12
  7. Última